Técnicos da AGED e UEMA coletam amostras de leite, fezes e secreções de bovinos para detecção de doenças em Bernardo do Mearim

Teste da canela telada sendo realizado

Por Suyane Scanssette
10/02/2021     10:02

Uma ação de parceria entre a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA) e a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), foi realizada nesta segunda-feira, 08, no município de Bernardo do Mearim, onde técnicos fizeram a coleta de amostras de leite de fêmeas bovinas com o objetivo em detectar micro-organismos causadores de mastite.

Na ocasião, ainda foi feito o teste da Canela Telada e as amostras de leite testadas apresentaram-se não reagentes ao teste. Ainda foram coletadas secreções da mucosa nasal e fezes de bezerros para o diagnóstico de doenças respiratórias e diarreias, respectivamente.

O gestor regional da AGED/MA em Pedreiras, Robert Barroso disse que atividades como essas são de grande importância para os produtores de leite. Segundo ele, a mastite bovina é a principal doença que acarreta enormes perdas econômicas para a pecuária leiteira. “Quando detectada a doença há uma diminuição na produção do leite, perdas de tetos, descarte de leite, desvalorização do animal e a enfermidade pode levar o animal até a morte”, explicou Robert.

A equipe, que contou com a participação do professor Hélder e estudantes de medicina veterinária da UEMA, também realizou colheita de secreção e fezes para análise de detecção de pneumoenterites. Essa infecção, quando diagnosticada nos animais, causa atraso no crescimento de bezerros, menor ganho de peso e se não tratada pode aumentar a taxa de mortalidade.

Acompanhe nosso trabalho também nas redes sociais:

Instagram: www.instagram.com/aged.ma

Facebook: www.facebook.com/aged.ma 

Twitter: www.twitter.com/Aged_Maranhao