Aged participa de Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária em Brasília

capa-fonesa

Sede do Confederação Nacional de Agricultura, em Brasília, onde acontecerá a reunião do Fonesa, na quarta (03).

O presidente da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), Sebastião Anchieta, participa, na quarta-feira (03), da reunião do Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária (Fonesa) na sede da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), em Brasília, que debaterá as fontes de recursos para as ações de defesa agropecuária.

Além da discussão da liberação de recursos dos fundos privados, a importância, composição, coordenação e as ações do Grupo Especial de Atenção a Suspeita de Enfermidades Emergenciais (Gease) estarão na pauta do Fórum. “A visita também trará a oportunidade de discutirmos o convênio da Aged com o Ministério de Agricultura para a sanidade agropecuária do Maranhão, que deve disponibilizar recursos para a manutenção das nossas atividades de fiscalização, inspeção e educação sanitária”, destacou o presidente da Aged, Sebastião Anchieta.

O evento, que reúne presidentes de agências de defesa de todo o país, contará com a presença de representantes do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Do Maranhão, participam ainda o presidente do Fundo de Desenvolvimento Pecuário do Maranhão (Fundepec), Osvaldo Rodrigues, e o presidente da Federação da Agricultura do Estado do Maranhão (Faema), Raimundo Coelho de Sousa.

Aged coordena discussões regionais para harmonização da fiscalização de agrotóxicos no 14º Enfisa

O diretor de Defesa e Inspeção Vegetal, Roberval Raposo, e o presidente da Aged, Sebastião Anchieta participaram da reunião do Fonesa, dia 07.

O diretor de Defesa e Inspeção Vegetal, Roberval Raposo, e o presidente da Aged, Sebastião Anchieta participaram da reunião do Fonesa, dia 07.

Representantes da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) participam, em Goiânia, de 06 a 10, dos fóruns do 14º Encontro de Fiscalização e Seminário Sobre Agrotóxicos (Enfisa). A Agência esteve na coordenação de duas Discussões regionais sobre a necessidade de harmonizar os procedimentos de cadastro estadual de agrotóxicos e sobre a Orientação Técnica federal para a fiscalização do comércio interestadual de agrotóxicos e afins.

O Enfisa, que existe desde 2001, representa o maior fórum do país relacionado à fiscalização de agrotóxicos e reúne órgãos de inspeção estadual, representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), bem como câmaras especializadas e conselhos regionais vinculados à agronomia e engenharia.  “Além de ser um fórum de harmonização, o Enfisa também tem um aspecto de troca de informações entre os órgãos de fiscalização estadual. Então, é uma excelente oportunidade para dividir experiências e compartilhar inovações”, ressaltou o diretor de Defesa e Inspeção Vegetal, Roberval Raposo Júnior.

Após as reuniões e Discussões Regionais, a coordenadora de Inspeção Vegetal da Aged, Filomena Antonia de Carvalho, que representou a Aged e as agências de defesa agropecuária do Nordeste, conta que foram elaboradas propostas para a padronização, respeitando as particularidades de cada estado, das exigências documentais nas legislações estaduais que regulamentam o cadastro de agrotóxico. Também foi elaborada uma proposta, já encaminhada ao Mapa, para a normatização do comércio interestadual desses produtos. “O Maranhão já vem se adequando dentro do que vem sendo proposto por esse fórum desde a fundação da Aged. É por isso que somos referência, principalmente, para os estados do Nordeste”, destacou a coordenadora.

Fonesa

Durante o Enfisa, também aconteceu a reunião do Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária (Fonesa) com foco exclusivo na defesa vegetal, no dia 07, com a participação de representantes do serviço estadual oficial de defesa agropecuária de 25 unidades da federação, dentre eles, o presidente da Aged, Sebastião Anchieta.