Produtores de leite de Imperatriz recebem instruções para prevenção de doenças

Uma palestra sobre brucelose e tuberculose também foi oferecida para estudantes no Espaço de Todos Nós, na quinta (07).

Uma palestra sobre brucelose e tuberculose também foi oferecida para estudantes no Espaço de Todos Nós, na quinta (07).

Como parte das ações de educação sanitária da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) na 48ª edição da Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp), produtores de leite participarão de palestra sobre o Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose (PNCEBT) no sábado, 09, a partir das 9h. O encontro faz parte da programação especial da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) dedicada à cadeia produtiva do leite.

Segundo a palestrante e responsável pelo Programa na Aged, Adriana Prazeres, o objetivo do encontro é informar os aspectos gerais das enfermidades e a importância das medidas de controle e prevenção. Aspectos econômicos, saúde pública, vacinação de bezerras entre 3 e 8 meses de idade, realização de testes de brucelose e tuberculose, trânsito de animais e certificação das propriedades serão alguns dos temas abordados.

“A realização desse momento com os produtores de leite é de fundamental importância, pois, os aspectos abordados contribuem para a melhoria do controle sanitário dessas enfermidades, promovendo saneamento do rebanho, aumento da produtividade e competitividade”, defende a fiscal.

Em maio deste ano, a Unidade Regional Imperatriz da Aged recebeu uma visita de supervisão do PNCEBT, durante a qual foram realizados treinamentos de fiscais agropecuários e médicos veterinários, e fiscalizações em laboratórios de diagnóstico, casas agropecuárias revendedoras de vacinas e propriedades rurais. De acordo com Adriana Prazeres, esta nova visita à Imperatriz permitirá o acompanhamento das atividades de controle das doenças na região tocantina.

Cadeia produtiva do leite

Além da apresentação da Aged, no sábado, o auditório da Expoimp terá programação especialmente voltada para a cadeia produtiva do leite, que incluirá a apresentação das ações previstas e em andamento pelo Programa Mais Produção na Região Tocantina e do Médio Mearim, e um Curso de Mamite, ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Aged participa da 48ª Expoimp com educação sanitária e fiscalização

O teatro de bonecos é interpretado por fiscais agropecuários e técnicos da Aged para estudantes de escolas da zona rural.

O teatro de bonecos é interpretado por fiscais agropecuários e técnicos da Aged para estudantes de escolas da zona rural.

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) iniciaram sua programação educativa na 48ª edição da Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp) nesta segunda-feira (04). Até sábado, crianças, produtores e comunidade local poderão conferir as apresentações do teatro de boneco da Agência e participar de palestras de orientação técnica sobre sanidade animal e vegetal.

Na tarde de quinta-feira, a Aged apresenta a palestra “Aquicultura com sanidade”, e, na sexta, fiscais agropecuários da Agência explicam o “Passo a passo para o registro de agroindústrias familiares” e falam sobre o “Uso correto e seguro de defensivos agrícolas e a devolução das embalagens vazias de agrotóxicos”, no Espaço de Todos Nós, do Parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva. “Hoje, a Expoimp é um dos maiores eventos da agropecuária do Maranhão e nós temos que dar todas as condições para que os participantes possam aproveitar e, ao mesmo tempo, se capacitar”, defendeu o presidente da Aged, Sebastião Anchieta.

No sábado, o Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose (PNCEBT) da Agência faz uma apresentação voltada para os criadores de gado leiteiro, no auditório principal da exposição. “A brucelose e a tuberculose, dentro desse contexto da produção de leite, são de extrema importância, porque são doenças de grande impacto econômico, além de perigosas para a saúde pública” explica a chefe do Programa, Adriana Prazeres. A palestra faz parte da programação da Sagrima dedicada à cadeia produtiva do leite, que incluirá a apresentação das ações previstas e em andamento pelo Programa Mais Produção na Região Tocantina e do Médio Mearim.

Além disso, a Agência também ocupa o “Espaço de Todos Nós”, nas manhãs de segunda a sexta, com programação infantil e distribuição de brindes. Na ocasião, é encenada uma peça sobre a febre aftosa no teatro de bonecos e são oferecidas aulas de educação sanitária para as escolas públicas locais.

Fiscalizações

Além das palestras, a Aged fiscaliza todos os animais que participam da exposição. “Nosso trabalho se inicia bem antes do evento oficial, pois todo o parque é vistoriado e desinfetado para que todos os ambientes estejam aptos para os animais”, explica a chefe da Unidade Regional Imperatriz, Fernanda Rolim. As fiscalizações, que consistem em exame clínico e verificação de documentação obrigatória para cada espécie animal, foram iniciadas no dia 30 de junho e se estendem até 12 de julho.

“Valorizamos o serviço da Aged, pois, além de colaborar com a sanidade dentro da Expoimp, ele garante que os animais que estão sendo comercializados são altamente valiosos pelo ponto de vista zootécnico e sanitário”, reconhece o presidente do Sindicato Rural de Imperatriz (Sinrural), responsável pela exposição, Renato José Nogueira.

Confira a programação completa:

flyer-15cm-x-21cm-01