Órgãos estaduais se reúnem para discutir a cadeia produtiva do leite no Estado

AGED, Sagrima, Seinc e representantes de laticínios participaram do encontro

Órgãos estaduais se reuniram com representantes de laticínios (Foto: Artur Costa)

Por Suyane Scanssette
13/08/2020 18:40

O fomento da cadeia produtiva do leite no Maranhão tem sido uma prioridade na gestão do Governo Estadual. Cada órgão estadual que está diretamente envolvido na cadeia do leite, seja por meio da fiscalização, produção ou logística, tem somado ações e conquistas importantes, como por exemplo, a adesão de laticínios maranhenses ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA), o que vai permitir ao produtor alcançar o mercado nacional para comercialização de seus produtos.

Dada a relevância dessa produção para o Estado é que nesta quarta-feira, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged-MA), a Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e a Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc) se reuniram com representantes das indústrias de laticínios do Maranhão para debater demandas e ações para a cadeia produtiva do leite no Estado.

Entre os pontos discutidos, estiveram questões sobre logística, fiscalização e produção. Os representantes da Seinc, da Aged e da Sagrima dialogaram sobre as etapas iniciais para solução dos gargalos que foram apresentados durante a reunião.

A AGED, como órgão fiscalizador, trabalha nas áreas de inspeção e educação sanitária para que o setor produtivo do leite esteja em adequação quanto a legislação vigente e aplicação de normas sanitárias, de forma a garantir a qualidade do produto que chega até a mesa do maranhense.

Acompanhe nosso trabalho também nas redes sociais:

Instagram: www.instagram.com/aged.ma

Facebook: www.facebook.com/aged.ma 

Twitter: www.twitter.com/Aged_Maranhao