Maranhão realizou o IV Fórum Estadual Contra Febre Aftosa

Por Suyane Scanssette
23/10/2020 17:14

Agentes públicos, médicos veterinários, universitários e produtores rurais participaram do IV Fórum Estadual Contra Febre Aftosa, nesta quinta-feira, 22, um evento virtual transmitido pelas redes do Governo do Maranhão. O Fórum foi promovido pela Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA), pela Equipe Gestora Estadual do Plano Estratégico no Maranhão de Ampliação da Zona Livre de Febre Aftosa sem Vacinação (EGEPE-MA) e pelo Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Estado do Maranhão (FUNDEPEC-MA).

O objetivo foi de ampliar os debates para o avanço das áreas livres de febre aftosa sem vacinação. O Fórum faz parte do Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância para Febre Aftosa (PNEFA) e é uma das ações de responsabilidade do Estado para ampliação da zona livre de febre aftosa sem vacinação nacional.

O evento trouxe convidados importantes como o médico veterinário argentino Sergio Duffy, que é especialista em Saúde Animal e com pós-graduação em Medicina Veterinária pela Universidade de Minnesota (EUA). Ele é membro ad hoc do Grupo sobre a avaliação da situação da febre aftosa dos países membros da Organização Mundial de Saúde Animal – OIE.

O Fórum contou com as palestras do professor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Osvaldo Rodrigues Serra que é médico veterinário, mestre em Agroecologia (UEMA) e doutor em Zootecnia pela UNESP de JABOTICABAL e o veterinário Roberto Siqueira Bueno que é especialista em conservação e preservação da Amazônia, pela Sociedade Brasileira de Medicina Veterinária e presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima – ADERR.

Sobre o plano estratégico do PNEFA

O Plano Estratégico, traçado para os anos de 2017 a 2026, é composto por 102 ações divididas em quatro categorias, sendo que sob a responsabilidade do Estado estão a execução de 42 ações, entre elas promover a participação social como instrumento de articulação dos mecanismos democráticos e ação conjunta entre a administração pública e sociedade civil.

Acompanhe nosso trabalho também nas redes sociais:

Instagram: www.instagram.com/aged.ma

Facebook: www.facebook.com/aged.ma 

Twitter: www.twitter.com/Aged_Maranhao