Equipe Gestora do Programa de Combate à Febre Aftosa debate sobre o prazo para retirada da vacina no bloco III

A reunião virtual entre o MAPA, AGED, Fundepec e produtores rurais confirmou que o status sanitário para retirada da vacina em 2021 será adiado por conta da pandemia

Reunião entre as instituições e produtores foi bastante proveitosa

Por Suyane Scanssette com Ascom Fundepec
19/08/2020 17:47

A Equipe Gestora do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA) no Maranhão realizou essa semana a 5ª reunião de acompanhamento das ações do Plano Estratégico executadas no Maranhão com representantes do Ministério da Agricultura, Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED), Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Maranhão (Fundepec-MA) e produtores rurais para tratar sobre os avanços do Programa e o prazo para retirada da vacinação no bloco III, composto pelos estados do Maranhão, Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

A retirada da vacina contra a febre aftosa no estado do Maranhão e o status sanitário de zona livre de febre aftosa sem vacinação, que estava previsto para 2021, foram adiados devido a pandemia do novo coronavírus, segundo confirmou o chefe de Divisão da Febre Aftosa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Diego Viali dos Santos. Outro fator que corroborou para o adiamento da retirada da vacina, ainda como consequência da pandemia, foi o não cumprimento das 42 ações previstas no plano que devem ser executadas pelos estados, ou seja, algumas ações não foram realizadas por conta dos riscos de contágio pela Covid-19.

Diego Viali falou ainda da importância da participação do produtor rural no PNEFA, das parcerias institucionais para que o Estado continue avançando.  “A pandemia foi um dos motivos do adiamento da retirada da vacina, pois atrasou a execução das ações e estamos sem previsão de quando os estados serão classificados como zona livre de febre aftosa sem vacinação”, afirmou Diego.

Uma nova reunião de avaliação das ações do PNEFA, para tratar sobre a retirada da vacina, está programada para ocorrer no primeiro semestre de 2021. Para a fiscal estadual agropecuária da AGED e responsável técnica do PNEFA no Maranhão, Margarida Prazeres é importante avançar nas ações e o produtor continuar vacinando o seu rebanho. “Compreendemos o quanto foi complicada essa campanha, em virtude da pandemia, mas sabemos que o produtor maranhense sabe da importância da vacinação e alcançaremos os índices vacinais preconizados pelo PNEFA”, afirmou.

A produtora rural do município de Cidelândia, Renata Ricupero, que participou da reunião, considerou importante o alinhamento de informações para combater a aftosa no Estado. “É importante a erradicação da aftosa no Estado no nível econômico e sanitário. Este é um momento importante de alinhar pensamento, unir forças e levar informações a todos os produtores”, disse.

O diretor do Fundepec-MA, Osvaldo Serra, que participou da reunião e integra a Equipe Gestora, afirmou que o encontro foi muito proveitoso com a participação dos representantes de várias entidades ligadas aos produtores rurais. “Foi ressaltado durante a reunião que os estados só mudarão de status sanitário se possuírem um fundo de desenvolvimento da pecuária forte, que possa dar segurança ao produtor”, avaliou Osvaldo.

Números da campanha de vacinação no MA

Durante a reunião da Equipe Gestora foram apresentados os números da cobertura vacinal do rebanho maranhense, que até o dia 15 de agosto, contabilizou 85.80% do rebanho imunizado. No Estado são 8.816.976 cabeças de animais.

Os índices de cobertura vacinal preconizados pelo PNEFA são de 90%, o que vem sendo alcançado pelo Maranhão nas últimas campanhas de vacinação contra a febre aftosa.

Margarida Prazeres lembrou a todos na reunião, que os criadores têm até o dia 31 de agosto para comprovar a vacinação nos escritórios da AGED onde a propriedade está cadastrada.

Acompanhe nosso trabalho também nas redes sociais:

Instagram: www.instagram.com/aged.ma

Facebook: www.facebook.com/aged.ma 

Twitter: www.twitter.com/Aged_Maranhao