Embalagens de Agrotóxicos Descartados Indevidamente são Recolhidas pela AGED em Balsas

Nesta terça-feira (28) foi deflagrada uma ação de fiscalização pela Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged-MA), após denúncia no escritório da Unidade Regional de Balsas, sobre o descarte indevido de embalagens vazias de agrotóxicos em propriedade da zona rural no município.

Na propriedade rural, localizada em um povoado conhecido por São Cristóvão, na BR 230, aproximadamente a 35 km de distancia de Balsas, foram encontradas 145 embalagens de agrotóxicos vazias, descartadas irregularmente sem realizar a tríplice lavagem e em desacordo com orientação do fabricante, destas embalagens, 117 foram encontradas em um açude que abastece o riacho Tanque,  utilizado por diversas famílias que residem as suas margens e 28 embalagens na sede da propriedade, sendo reutilizadas para armazenar sabão líquido.

O proprietário já foi identificado e será autuado por descarte irregular de embalagens vazias de agrotóxicos, responderá processo administrativo, além de ser multado no valor de 4.256,00 reais. As embalagens apreendidas foram recolhidas pela Associação de Revendedores de Insumos Agrícolas de Balsas – ARIAB para incineração. A ação contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, que participou da fiscalização garantindo a segurança dos Fiscais da Aged e dos Funcionários da ARIAB.

Para o chefe da Unidade Regional de Balsas, Eugênio Pires, esta operação  fortalece as ações que tem como objetivo combater crimes ambientais com agrotóxicos em propriedades rurais no sul do Estado, além de prevenir a população da região de contato com resíduos tóxicos. “Essas embalagens de agrotóxicos apreendidas na propriedade rural em questão, além de estarem em um açude que abastece um riacho conhecido na região com Tanque, que é fonte de água para inúmeras famílias ribeirinhas, estavam com resto de produtos químicos, podendo causar consequências sérias para a saúde humana e para o meio ambiente.” explicou