AGED se une a parceiros para a realização do Projeto “Campo Limpo Ambiente Saudável “ Recebimento Itinerante de Embalagens Vazias de Agrotóxicos

Técnicos da defesa e inspeção vegetal da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Pecuária (SAGRIMA), se unem nos dias 14 e 15 de outubro, à Agência Estadual de Pesquisa e Extensão Rural do Estado (AGERP) e a representantes de prefeitura municipais, para a realização do Projeto “Campo Limpo Ambiente Saudável, que trata do recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos

Este trabalho é desenvolvido em parceria com o Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias de Agrotóxicos (inpEV), Associação do Comércio Agropecuário do Piaui (ACAPI) e Prefeituras Municipais.

A ação comtemplará os municípios de São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar, que se destacam na produção de hortifrutigranjeiros. Na produção desses produtos são utilizados agrotóxicos para o controle de pragas e ervas daninhas, gerando assim,  grande quantidade de embalagens vazias, que de acordo com a legislação vigente, devem ter uma destinação ambiental correta. Atualmente, essas embalagens vazias são descartadas na propriedade, gerando grande risco ambiental e à saúde humana.

O objetivo do sistema de recebimento itinerante  é viabilizar o cumprimento da legislação por parte dos pequenos produtores, simplificar o processo de recebimento, conscientizar e incentivá-los a devolver regularmente as embalagens vazias de agrotóxicos após a Tríplice Lavagem, facilitar a devolução das embalagens vazias e retirá-las do meio ambiente.

O projeto está realizando um trabalho educativo, por meio de treinamentos nas comunidades agrícolas sobre o uso corretos e seguro de agrotóxicos e destino final de suas embalagens vazias, direcionado aos pequenos produtores, com palestras, programas de rádios locais e folders. Os pontos específicos de armazenamento temporários em cada município, estão sendo definidos pelas prefeituras e comunidades locais.

“O Recebimento Itinerante é uma ação de importância singular, pois foi o formato encontrado para a inclusão de pequenos agricultores no sistema de gestão das embalagens vazias de defensivos agrícolas. Esse segmento da agricultura brasileira, que utiliza agrotóxicos em suas explorações, está presente nas áreas de produção existentes na região metropolitana de São Luís e em todo o Estado e possuem grande importância tanto no cenário de produção agrícola, quanto na condição de cidadão de cada agricultor que certamente passarão, com essa ação, a contribuir significativamente com a redução de contaminações ambientais e danos à saúde humana e animal, decorrentes do adequado descarte dessas embalagens vazias, tal como é determinado pela legislação vigente. É uma ação viabilizada por parcerias institucionais como INPEV, Associações de Revendas, AGED, Associações de Produtores, Secretarias de Meio Ambiente, Prefeituras objetivando o interesse social e a sustentabilidade do meio rural.” Esclareceu, o diretor de defesa  e inspeção vegetal da AGED, Roberval Raposo Junior.
Calendário do Recebimento Itinerante dos Municípios da ilha de São Luís:

Dia 14/10 : Paço do Lumiar, das 08:00h às 11h30

Local: Propriedade de Dona Júlia, na Rua do Anajar , nº 110, Iguaíba.

Dia 14/10 : Raposa, das 13h30 às 17h30

Local: Propriedade do seu Humberto,na Rua do Bacurizal, s/n, Cumbique.

Dia 15/10: São José de Ribamar, das 08:00h às 11h30

Local: Associação dos Trabalhadores Rurais da Mata, Senhor Abdon da Mata, na Av.dos Agricultores, nº 22, Mata.

Dia 15/10: São Luís, das 13h30 às 17h30

Local: Propriedade de Dona Erondina, no Polo de Produção Itapera, Quebra Pote