AGED recebe placa de homenagem do IEMA pela parceria no Programa de Vivência Profissional “Pra Saber +”

Durante a solenidade de homenagem às empresas parceiras do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema), a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED) recebeu nessa terça-feira, 16, uma placa de reconhecimento pela colaboração na profissionalização dos estudantes do Instituto. A cerimônia, realizada no Palácio dos Leões, contou com a presença do Reitor do Iema, representantes de empresas parceiras dos setores público e privado, da capital e do interior do Estado.

Foto - Margarida Prazeres

O Programa de Vivência Profissional “Pra Saber +”, que em 2018 está em sua segunda edição, visa apresentar e oferecer as práticas profissionais aos alunos dos cursos técnicos do Iema como atividades de extensão no mês de férias. Durante essa edição, o Programa atende mais de 480 alunos em sete Unidades Plenas do IEMA e os encaminha para as mais de 80 empresas parceiras. Na AGED, as Unidades Regionais que receberam os alunos foram a de Santa Inês e São Luís, além da Unidade Local de Sanidade Animal e Vegetal de Coroatá e da SEDE.

Segundo o reitor do Iema, Jhonatan Almada, o Instituto contribui para uma formação de qualidade através da vivência profissional que antecede a realização do estágio. “O grande objetivo da criação do Iema é oportunizar aos jovens entre 14 e 17 anos o acesso à educação profissional e tecnológica. Em países como o nosso, somente 10% dos jovens nessa faixa etária tem acesso a qualificação profissional, enquanto que em países como Japão, França e Áustria são 70% dos jovens na mesma idade com acesso a qualificação profissional, dessa forma, o programa ‘Pra Saber+’ do Instituto está contribuindo para que a juventude maranhense possa ter acesso a capacitação e mais oportunidades de emprego”, afirmou.

De acordo com o Diretor de Defesa e Inspeção Sanitária Vegetal, Roberval Raposo Junior, na ocasião representando a Agência, destaca que “a AGED fica feliz em colaborar com a vivência profissional dos jovens maranhenses, garantindo a igualdade de oportunidade de inserção no mercado de trabalho. Ter jovens no nosso ambiente público/institucional, permite a oxigenação dos mais variados segmentos da empresa através da visão empreendedora, dos sonhos, dos novos desafios que jazem na personalidade daqueles, e, por outro lado, oportuniza a troca de conhecimentos e experiências com os profissionais da AGED”.