AGED realiza identificação de morcegos no Hospital Aquiles Lisboa

 

Como parte integrante das ações de prevenção do Programa Nacional de Controle da Raiva dos Herbívoros, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão realizou vistoria, a pedido da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, no Hospital Aquiles Lisboa, na capital maranhense.

De acordo com a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, em uma ação de limpeza e manutenção nos telhados dos prédios desativados do Hospital, foram encontrados morcegos habitando o local. Diante disso, abriram chamado junto à AGED para que fosse realizado a identificação dos morcegos e posterior captura.

Segundo o Fiscal Estadual Agropecuário, Eric Takashi, Coordenador do Programa Estadual de Controle de Raiva dos Herbívoros, a ação teve como foco a identificação de morcegos do tipo hematófagos nos prédios. Durante a vistoria, foram identificados somente morcegos do tipo frugívoros e insetívoros, sendo assim, foram repassadas informações para evitar uma futura colonização dos animais.

 

Saiba mais

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), a raiva é uma doença aguda que atinge o Sistema Nervoso Central (SNC) capaz de acometer todos os mamíferos, incluindo os seres humanos. Tal doença é caracterizada por uma encefalomielite fatal responsável pelo vírus do gênero Lyssavirus, da família Rabhdoviridae.

Segundo o Ministério da Saúde, a raiva é transmitida ao homem pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura, podendo ser transmitida também pela arranhadura e/ou lambedura desses animais.

 

Produção: Assessoria de Comunicação
Texto: Kleo Souza
Revisão: Jacii Martins