AGED participa da semana de meio ambiente do IFMA

Os grandes centros urbanos enfrentam sérios problemas relacionados à geração de resíduos sólidos devido à má gestão e a falta de conhecimento sobre alternativas para o seu destino final. Atualmente, a população mundial produz cerca de 1,4 bilhão de resíduos sólidos, tais eventos geram problemas que são refletidos na  poluição e contaminação dos mais diversos ambientes, acarretando prejuízos à todos os seres vivos.

Com o objetivo de esclarecer dúvidas relacionadas ao meio ambiente e a inserção do profissional Técnico em Meio Ambiente, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED), participou entre os dias 5 a 7 de junho, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) Campus Maracanã, da  Semana do Meio Ambiente, que este ano teve como temática Resíduos sólidos: problemática e desafios.

PHOTO-2018-06-07-17-43-27 (1)

Segundo o Guia de Estratégias Nacionais para o Manejo do Lixo: mudando de desafios para oportunidades, elaborado pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), essa situação (coleta e má destinação dos resíduos sólidos), além de prejudicar a economia, representa riscos à saúde e ao meio ambiente. A falta de coleta ou o descarte em locais inapropriados contamina o solo e os cursos d’água,  bem como a queima sem controle gera poluição no ar e o baixo uso de materiais reciclados acelera o esgotamento dos recursos naturais.

PHOTO-2018-06-07-17-43-27

Pensando nisso, a IFMA acredita que a escola deve ser o lugar onde o aluno é sensibilizado pelas questões ambientais, e possa dar continuidade às ações mesmo fora dela, assumindo-se um verdadeiro cidadão, ativo e consciente de seus atos, colaborando para a sustentabilidade ambiental.

PHOTO-2018-06-07-17-43-24

Para a Coordenadora de Inspeção Sanitária Vegetal, Filomena Matos, “Esse evento pensando em mostrar para os alunos como será a inserção deles no mercado de trabalho, para que eles conheçam as várias instituições onde poderão ser inseridos, assim como a importância da profissão que irão exercer no futuro, considerando que o meio ambiente precisa ser preservado. O meio ambiente, hoje, tem um olhar muito criterioso voltado para ele, tanto que essas profissões foram criadas voltadas para ele, a modo de que a maiorias das instituições precisam de um profissional dessa área, seja para controle, fiscalização, inspeção, elaboração de projetos, logo são de  extrema importância. Visto isso, é de grande valia tanto para o conhecimento desses jovens como para própria sociedade se conscientizar da importância dessa profissão”, concluiu.