AGED leva Projeto Fazendo Educação para programação da Expoema 2013

 

G

G

O Projeto Fazendo Educação, desenvolvido pela Agência de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima), está sendo novamente destaque na programação da Exposição Agropecuária do Estado do Maranhão – Expoema.

Desde a última terça-feira (03), a equipe de Educação Sanitária da AGED desenvolve o projeto por meio de teatro de fantoches palestras, abordando temas relacionados à febre aftosa, o uso correto e seguro dos agrotóxicos e a destinação correta das embalagens vazias dos produtos agroquímicos para alunos da rede pública de ensino e estudantes de cursos das Ciências Biológicas e Agrárias da Universidade Estadual do Maranhão.

Na terça-feira, a apresentação foi  voltada para 50 crianças, na faixa  etária entre 09 e 10 anos, da Unidade de Ensino Básico Conjunto Paranã, em Paço de Lumiar. “Esta apresentação de hoje foi voltada somente para crianças, mas nos próximos dias iremos ministrar palestras para universitários e técnicos agrícolas, abordando outros programas também realizados pela agência”, explicou a coordenadora de Educação Sanitária da Aged, Fernanda Albuquerque.

A diretora da escola Conjunto Paranã, Cleonice Diniz Pinheiro, explicou a importância da participação dos alunos no projeto. “Aqui eles recebem uma aula específica, voltada para a agropecuária e assim, ao retornarem  para a sala de aula fazem um relatório com suas observações e passam para os outros alunos que não puderam estar presentes hoje”, enfatizou a diretora.

A aluna, Juliana Raissa de Souza Marques, de 9 anos, falou sobre a experiência tão diferente do que vê na sala de aula. “Aprendi muito sobre animais e plantas, de como se deve cuidar deles. Gosto muito de animais e aqui pude entender melhor sobre febre aftosa, para depois passar isso para os meus colegas que não puderam vir”, afirmou Raissa.

O vaqueiro e tratador de animais, Antonio Francisco de Souza Borges, que estava trabalhando na Expoema, foi atraído pelo teatro de fantoches e ficou emocionado com a forma com que os assuntos eram tratados e explicados para as crianças. “Sou do estado do Piauí e foi a primeira vez que vi um projeto desses. Tenho 3 filhos e se eles estivessem aqui estariam aprendendo muito sobre esses assuntos, já que eles também querem ser vaqueiros. Me senti como uma criança hoje, aprendendo coisas que eu não sabia” declarou Antônio Francisco.

Na quarta-feira (04), foi a vez dos estudantes da Escola Municipal Orlando Araújo, da  Divineia, e Escola Municipal Santa Maria, em São José de Ribamar, participarem do projeto. Na quinta-feira (05), será a vez dos estudantes dos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária, da Universidade Estadual do Maranhão – UEMA.

ENESCO – Além do Projeto Fazendo Educação, a equipe de Educação Sanitária da AGED está inscrevendo participantes para o XVII Encontro Nacional de Educação Sanitária e Comunicação – ENESCO, que pela primeira vez será sediado em um estado nordestino. O evento acontecerá de 29 a 31 de outubro, em São Luís.

As inscrições para o evento podem ser feitas no próprio estande da SAGRIMA e AGED na Expoema. Mais informações sobre o evento em http://enesco-ma.webnode.com/