AGED interdita produtos com princípio ativo do paraquate

A Anvisa proibiu em todo País a comercialização desta substância

 

Por Suyane Scanssette
01/12/2020   17:11

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA) interditou 25 litros de um defensivo agrícola a base de paraquete, substância que a Anvisa proibiu a comercialização desde setembro deste ano. Além disso, os fiscais ainda interditaram 137 litros de produtos com prazo de validade vencidos e 134 litros de agrotóxicos que estavam sendo comercializados em estabelecimento não registrado para essa finalidade.

A ação foi realizada nos municípios de Zé Doca, Araguanã, Nova Olinda do Maranhão, Presidente Médice, Centro do Guilherme e Maranhãozinho. Os estabelecimentos de comércio de agrotóxicos nestes municípios foram fiscalizados e foi realizado ainda o cadastramento de comerciantes de sementes e mudas.

Durante a fiscalização a AGED aplicou a emissão de 17 Termos de Fiscalização, 3 notificações, 4 autos de infração e realizado o cadastro de 10 comerciante de sementes.

Os fabricantes – dos produtos vencidos, do paraquate e dos 121 litros que foram interditados em estabelecimento de gêneros alimentícios – foram notificados para fazer o recolhimento dos produtos para que tenham um descarte com a destinação correta, conforme preconiza a legislação vigente.