AGED de Rosário desenvolveu ações preventivas para raiva

Por Suyane Scanssette
27/10/2021 15:02

A equipe técnica da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA) da Unidade Regional de Rosário desenvolveu diversas ações, especialmente as de prevenção para raiva, neste mês de outubro.

Em Rosário, a AGED ministrou treinamento para as equipes de endemia do município para realização de buscas ativas. A AGED ainda promoveu palestra sobre raiva para agentes comunitários de saúde também no município de Rosário. Em todas as ações a AGED enfatizou a importância de se fazer a notificação (comunicado) à Agência em caso de animais doentes, apresentando algum sintoma ou feridas, ou de agressão de morcegos. Essa notificação é importante para que a AGED tenha ação imediata, atuando no controle do foco de enfermidade/zoonose.

Da teoria, a equipe da AGED partiu para prática e realizou coleta de amostras biológicas para diagnóstico da raiva e fez busca ativa em propriedades rurais para averiguar agressões aos animais de criação por morcegos hematófagos.

No município de Humberto de Campos, a AGED realizou a coleta de material para sorologia da raiva e, por meio da ação de busca ativa,

Em Morros os fiscais catalogaram dois abrigos de morcegos no povoado de Lago e ainda vistoriaram um posto de saúde que estava servindo de abrigo para morcegos no povoado Casca Grossa, em Cachoeira Grande.

Em Presidente Juscelino realizaram reuniões com as equipes da saúde, zoonose, endemia e secretário de saúde estabelecendo um plano estratégico para atendimento as notificações e assim prevenir possíveis focos da raiva.

Vigilância ativa em propriedades

Concomitantemente às ações para prevenção da raiva, uma equipe da AGED também realizou ações de vigilância epidemiológicas em propriedades de risco e também em uma granja de aves no município de Santa Rita.

Essas ações visam a detecção precoce de sintomatologia de enfermidades e de prestar orientações aos proprietários/responsáveis pelos estabelecimentos sobre cuidados com a saúde animal.

A equipe ainda fez atendimento a notificação de suspeita de enfermidade nervosa em uma propriedade rural dentro da área de atuação da Unidade Regional da AGED de Rosário.

Ações na área vegetal

A equipe da AGED da Rosário ainda realizou ainda fiscalização de propriedade que usa agrotóxico, orientando quanto ao uso seguro e correto e sobre a devolução das embalagens vazias de agrotóxicos.

Os fiscais ainda promoveram ações de educação sanitária com a ministração de palestra sobre destinação correta de embalagens vazias de agrotóxicos no município de Icatu.

Fiscalização de trânsito

Fiscalização de trânsito em veículos

Ainda houve a fiscalização de trânsito de produtos de origem animal com blitz montada para averiguação de veículos e de cargas, com objetivo de combater as irregularidades no transporte de produtos de origem animal e vegetal e também dos animais vivos, impedindo que animais e produtos e subprodutos transitem sem os documentos sanitários, conforme preconiza a legislação vigente.